Pages

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Vale a pena servir a Deus na Igreja???

Nossa sociedade hoje é regida pelo sistema de mercado e na dinâmica dele as pessoas acabam sendo usadas. Infelizmente, de 15 anos pra cá, as pessoas ficaram reféns dos projetos eclesiásticos que seguiram essa mesma lógica. Nessa perspectiva, as pessoas se transformaram em marionetes e a diferença entre igreja e mundo se perdeu. Além do sistema de mercado, vivemos também a sociedade da embalagem, do simulacro. As pessoas expõem suas imagens e seus trejeitos em papéis multicores, mas não revelam a essência. Por esse motivo, muitos vão à igreja e depois espancam mulheres e crianças em suas casas. Oram a Deus nos templos, mas o coração está muito longe d'Ele. Em minha concepção, somos o que temos dentro de nós e isso é o que vale. Nosso cristianismo tem que ser marcado pela simplicidade do evangelho de Jesus. Nossa linha reflexiva é Jesus. Nosso objetivo é nos parecermos com Jesus. Se a igreja caminha com essa perspectiva, ela caminha bem, ao contrário, serve somente aos anseios do mercado. Por isso a tônica de nossa existência tem que ser a humildade. Não consigo conceber um cristão sem humildade que testemunhe o Cristo. Sobre isso, eu tenho uma opinião radicalmente formada. Nós não podemos ser bonequinhos feitos na doutrina da igreja. Nós somos seres humanos e como tais temos nossas contradições. Elas precisam ser estampadas ou testemunhadas com humildade, pois pessoa alguma é melhor que a outra. Ora, a vida passa muito rápido e nós precisamos aproveitá-la da melhor maneira possível, com equilíbrio, humildade e testemunho. Acho que nós precisamos ser o que somos e assumir do que gostamos. Eu desisti de viver a vida que as pessoas querem que eu viva. Desejo viver a minha própria vida, mesmo porque em todos os lugares vamos encontrar pessoas que nos apontam os erros e defeitos. Isso é crueldade por parte dos acusadores. Isso acontece dentro e fora da igreja. O problema é que a acusação dentro da igreja é feita em nome de Deus e em nome da doutrina. Mas então? por que servir a Deus na igreja? Existem três objetivos nisso: 1. Na igreja, nós buscamos o reconhecimento de nós mesmos, enquanto pessoas que desejam fazer o bem conjuntamente na dimensão da adoração a Deus; 2. Graças a Deus a igreja não salva ninguém, mas ela trás a memória de tudo o que foi e é Jesus para nós. Assim, quando nos afastamos ficamos "desmemoriados". Nos esquecemos das principais referências de Jesus para a nossa vida; 3. a igreja é uma comunidade terapêutica. Luto por isso. Não é lugar pra ninguém julgar ninguém. O grande desafio é o do amor. Por intermédio dele, tudo flui e a gente descobre paulatinamente o valor da vida. Enfim, acho que a gente tem que intensificar aquilo que vale a pena mesmo. Portanto, vamos viver a vida com simplicidade. Estudar e crescer com a finalidade de mostrar aos outros a qualidade da nossa vida com Deus. Na comunidade de fé (acho essa expressão melhor do que igreja), nós temos a oportunidade de fazer diferença com Deus e com o próximo. Podemos contribuir muito com a causa do Senhor na igreja, segundo a lógica: "aquilo que vale a pena", pois são muitos os dons e talentos que Ele colocou em nossas vidas. Tudo de mais belo para nós.